Rafael Gil: “Impensável ter ficado fora da seleção para o Mundial e saber da mesma via Facebook”

  •  
  •  
  •  

Rafael Gil afirma ser “impensável ter ficado fora da seleção para o Mundial e saber da mesma via Facebook”, escreveu o nadador do Benfica na sua página do Facebook.

Portugal, que estará representado por Angélica André e Vânia Neves no Campeonato do Mundo de águas abertas, não terá nenhum atleta masculino em Budapeste.

“Rafa” foi o melhor português em todas as competições internacionais neste último ano, distinguido como Atleta do Ano em 2016, sagrou-se campeão nacional absoluto de 5km em indoor e conquistou o título nacional dos 10km na Amieira.

“Injusto e frustrante são as palavras desta época. Impensável ter ficado fora da seleção para o Mundial e saber da mesma via Facebook. Todo o esforço de tentar conciliar a minha vida académica com a minha vida de atleta foi em vão. Vivemos num mundo de apostas e eu apostei à minha maneira e não tive o resultado pretendido. Aprendemos com os erros. Head’s up”, referiu o atleta que tem sido a principal referência nacional, no setor masculino, após a brilhante carreira do olímpico Arseniy Lavrentyev.

“Ainda temos dois Nacionais e um circuito nacional de águas abertas. Obrigado aos meus pais e irmão, sofiacsilvestre e aos meus apoios e a todas as pessoas que investiram em mim. Um abraço especial à família das águas abertas que me apoiou imenso”, afirmou ainda Rafael Gil que deseja “boa sorte à Vânia Neves e Angélica André”.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários