Município da Mealhada adere ao Portugal a Nadar

  •  
  •  
  •  

A Câmara da Mealhada anunciou, esta quinta-feira, a adesão ao “Portugal a Nadar”, um programa da Federação Portuguesa de Natação (FPN) que tem como objetivo promover a massificação da prática da natação, procurando garantir e facilitar o acesso a programas direcionados para o ensino, através de práticas aquáticas certificadas, destinadas a toda a comunidade, desde bebés e crianças em idade pré-escolar e escolar até aos idosos.

“Portugal a Nadar” é um programa que resulta do Plano Estratégico 2014-2024. Neste âmbito, a FPN desenvolveu um modelo de referência técnico para o desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem, envolvendo as suas várias vertentes: natação pura, polo aquático, natação artística, natação adaptada e saltos para a água.

A adesão a esta iniciativa permitirá o reconhecimento da qualidade pedagógica e didática da Escola de Natação do município, através de um processo de certificação técnico-pedagógica, que segue metodologias de análise definidas pelo departamento técnico da FPN, que visará a melhoria contínua desta escola e a promoção da natação de forma a assegurar uma prática estruturada e regulada.

Permitirá, ainda, o acesso a formação para os técnicos, alinhada com o processo de certificação, com o intuito de garantir uma formação contínua, assim como a renovação das metodologias e implementação das melhores práticas utilizadas atualmente.

Através de formação profissional e certificada, a FPN pretende garantir o aumento da qualidade dos professores de natação, através da progressão individual na carreira, com o acesso aos cursos de treinadores de grau II e III (natação pura, polo aquático e natação artística).

“Parece-nos inequívoco que a adesão do Município da Mealhada ao “Portugal a Nadar” enriquecerá a formação específica dos professores de natação e também o processo de ensino-aprendizagem, com impacto direto na qualidade das aulas. Beneficia, por isso, os utentes das piscinas da Mealhada, na medida em que melhora os serviços prestados”, sublinhou o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários