Israel barrada de participar no Mundial da Malásia por “nega” de vistos

4
  •  
  •  
  •  

Israel corre o sério risco de não participar no Mundial de natação adaptada na Malásia, de 29 de julho a 4 de agosto, por não terem sido concedidos vistos de entrada naquele país, avançou no domingo o site israelita YNet e cuja notícia foi também destacada pelo Blog do Coach (Brasil).

O Comité Paralímpico de Israel tem enveredado todos os esforços para resolver a situação, mas até ao momento ainda não obteve luz verde do país malaio, de maioria islâmica.

Esta é uma competição determinante de acesso aos Jogos Paralímpicos de 2020 em Tóquio. Prevê-se a participação de cerca de 600 nadadores de 70 países no Mundial da Malásia.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários