FINA anuncia plano de apoio aos atletas de mais de 6 milhões de dólares

  •  
  •  
  •  

A Federação Internacional de Natação (FINA) anunciou, esta terça-feira, um plano de apoio aos atletas dos desportos aquáticos, principalmente aqueles que lutam por mínimos olímpicos.

Serão alocados mais de 6,4 milhões de dólares, divididos em três segmentos: cerca de 4 milhões de dólares irão para 160 federações nacionais usarem em programas de treino, competições e despesas diárias; cerca de 460 mil dólares serão canalizados para ações de pesquisa de cinco organizações continentais; um grupo de atletas pré-selecionados receberá 2 milhões de dólares para participar num programa da FINA.

Julio Maglione, presidente da FINA, referiu que “o objetivo principal da organização é oferecer assistência direta aos atletas que estão nessa reta final de preparação para Tóquio e os que estão ainda em busca de um desenvolvimento maior em termos desportivos”.

O programa da Escola da FINA incluirá outros 100 atletas de federações nacionais que não estão na luta por qualificações olímpicas e oferecerá programas intensivos de treino no Senegal, Tailândia, Rússia ou Estados Unidos.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários