Federação espanhola vai organizar torneios de videojogos em paralelo às competições

  •  
  •  
  •  

A Federação Espanhola de Natação vai organizar, em paralelo às competições, torneios de eSports para o público, cuja criação ficará entregue à agência LVN Sport, segundo avança o site espanhol “Palco23″.

O objetivo desta iniciativa é atrair um público mais jovem para assistir às provas de natação.

“Encarregaremos de gerar conteúdo atrativo, de valor e que complemente os eventos desportivos, além de dar à federação um posicionamento dentro do universo dos eSports que lhe permita gerar receita a partir da organização de eventos e patrocínios”, afirmou Kiyomi Cerezo, sócio da agência, ao mesmo site espanhol.

Está prevista a organização de 75 torneios por ano. O acordo é válido até dezembro de 2020.

Segundo ainda o “Palco23″, a perspetiva futura é que a federação possa ter uma equipa própria de eSports.

Para Santiago Manual García, diretor de marketing da federação espanhola de natação, este negócio coloca a RFEN “à frente de outras federações”.

Em Portugal, a eSports tem acordo com a Federação Portuguesa de Futebol e Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários