Derrota pesada frente à Eslováquia coloca Portugal praticamente fora do Europeu

  •  
  •  
  •  

Portugal perdeu este sábado com a Eslováquia por pesados 16-4 (2-3, 0-3, 1-8 e 1-2), no primeiro jogo do play-off para o Europeu de Barcelona que decorreu na piscina do Colégio de Lamas, estando praticamente com os dois pés fora da fase final.

Os golos portugueses foram apontados por Miguel Mariani (1), Pedro Sousa (2) e Tiago Parati (1).

A segunda partida do play-off realiza-se em Kosice na Eslováquia, a 3 de março.

“Entrámos bem no primeiro período procurando contrariar a capacidade física do adversário. Todavia, no segundo período, a equipa da Eslováquia acabou por tirar vantagem da sua força física. No próximo jogo do play-off na Eslováquia iremos tentar encurtar a diferença no marcador”, afirmou o selecionador Fernando Leite, em declarações ao site da FPN.

“O público foi fantástico, que se repitam mais momentos destes nas bancadas dos jogos de polo aquático em Portugal, isto faz parte do crescimento, o meu agradecimento a todos os que se deslocaram a Lamas. Assumo a derrota, pelas opções tomadas ao longo do jogo, todo grupo queria proporcionar e ambicionava um resultado diferente, considero esta derrota por números exagerados. Entramos bem no jogo, criando dificuldades à construção de jogo do adversário. Índices físicos muito superiores aos nossos fizeram diminuir o nosso discernimento e refletiu-se na eficácia no segundo período, transições com elevada intensidade acumularam um desgaste substancial na nossa equipa. Terceiro período não tem desculpa, respeito o esforço realizado pelos jogadores, mas é inaceitável, temos de defender melhor, não podemos sofrer metade dos golos num período”, concluiu o técnico nacional.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários