“Caça” aos mínimos para os Jogos Olímpicos

  •  
  •  
  •  

O Open do Jamor, que se realiza este fim de semana, tem como aliciante a possibilidade de obtenção de mínimos para os Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados para o ano seguinte, naquela que é a primeira prova em piscina longa da época 2020/2021.

Diana Durães, Tamila Holub (1500 livres), Alexis Santos, Gabriel Lopes (200 estilos) e Ana Catarina Monteiro (200 mariposa) são os nadadores já com “passaporte” para Tóquio, esperando-se que possa aumentar já no Jamor essa comitiva.

O mesmo poderá acontecer para os Europeus Absolutos e de juniores.

Em competição vão estar 265 atletas (152 masculinos e 112 femininos) em representação de 54 clubes.

As provas têm início, no sábado e domingo, às 09h00 e 16h00.

A Federação Portuguesa de Natação vai disponibilizar a transmissão dos dois dias de competição, via streaming, através do site: http://www.natacao.tv.

Clique aqui para ver o vídeo promocional da competição.

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários