António José Silva: “Continuamos a descentralizar a natação nacional”

  •  
  •  
  •  

António José Silva, presidente da Federação Portuguesa de Natação, em jeito de balanço dos Campeonatos Nacionais de Juvenis, Juniores e Absolutos, que decorreram no Funchal entre quinta-feira e domingo, reforçou a ideia da importância da “descentralização da natação” e lembrou os dados do Instituto Português do Desporto e Juventude: “Continuamos a descentralizar a natação nacional levando competições e outras ações a todas as regiões do país como irá acontecer como as águas abertas à Ilha Terceira, como recentemente acordámos com as associações até 2020/2021. De referir que foi divulgado recentemente pelo IPDJ as referenciais métricas das 67 federações desportivas com a FPN a ocupar o primeiro lugar em termos de prática desportiva, o primeiro lugar em igualdade de género, o primeiro lugar em expansão nacional e o terceiro no alto rendimento”.

Ainda segundo o líder federativo, “a Natação.TV, recentemente criada, irá permitir potenciar a divulgação e projeção da Natação para níveis que a modalidade ambiciona.”

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários