ANNP e município do Porto assinam protocolo de apoio ao desporto de formação

  •  
  •  
  •  

O município do Porto e a Associação de Natação do Norte de Portugal assinaram esta sexta-feira, nos Paços do Concelho, o contrato-programa de Desenvolvimento Desportivo de apoio ao desporto de formação.

A medida faz parte da estratégia de combater a carência de equipamentos desportivos na cidade e aumentar exponencialmente o número de praticantes.

Nos termos dos contratos a operacionalizar através da empresa municipal Ágora, a Câmara do Porto vai passar a suportar de forma integral a inscrição dos atletas (422) dos escalões de formação dos clubes portuenses.

Natação (pura e adaptada), natação artística e polo aquático são as modalidades abrangidas pelo contrato-programa celebrado com a ANNP.

Durante a cerimónia, o presidente da autarquia, Rui Moreira, congratulou-se com o facto de este reforço ser dirigido precisamente aos escalões de formação, pois “se queremos apostar no desporto e desenvolver uma verdadeira cultura desportiva, temos de começar pela base, porque é onde se concentra a grande massa de praticantes”, considerou.

“Se o fizermos, estaremos também a formar melhores alunos e a preparar as nossas crianças para um futuro melhor, fomentando a prática desportiva e promovendo um estilo de vida mais saudável”, disse ainda.

O autarca aproveitou a ocasião para elogiar o contributo fundamental das associações desportivas, que “são os nossos parceiros imprescindíveis para que a prática desportiva possa ser uma realidade quotidiana e disponível para toda a população, numa lógica de proximidade e acompanhamento regular”.

Notando que os números das mais recentes estatísticas são tudo menos animadores, já que colocam Portugal entre os países com mais baixos indicadores de participação desportiva ao nível de toda a União Europeia, Rui Moreira reafirmou a necessidade de “colocar o desporto na agenda política, conferindo-lhe a devida importância”.

Além da associação de natação, o município do Porto assinou protocolos com outras nove associações, o que significa um investimento superior a 102 mil euros – duplicação do apoio relativo ao ano anterior – que vai abranger um total de 4.873 atletas de 37 clubes e 15 modalidades desportivas.

Créditos da foto: Filipa Brito/porto.pt

Mais de 10 mil leitores não dispensam o Chlorus.
Fazer jornalismo de Natação tem um custo e por isso
precisamos de si para continuar a trabalhar e fazer melhor.
Torne-se nosso assinante por apenas 12€ por ano e
tenha acesso a todos os conteúdos Premium.



Comentários